segunda-feira, 4 de julho de 2011

Profª. Amanda Gurgel.


Oi Gente! Nesse sábado, dia 2, estive em Salvador/BA para lançar no Estado nossa Campanha contra o PNE de Dilma e apresentar nossa exigência de 10% do PIB já para a Educação. Participei de um cortejo que comemora a Independência da Bahia pelas ruas históricas de Salvador. A atividade foi muito bonita e recebeu total apoio da população baiana. Vejam mais nessa matéria feita pelo pessoal do PSTU-BA.

No dia em que se comemora a Independência da Bahia, 2 de julho, Amanda Gurgel esteve na capital baiana e participou do cortejo que aglutina movimentos sociais, partidos políticos e a população nas ruas do centro histórico de Salvador para resgatar as mobilizações do recôncavo baiano que expulsaram as últimas tropas dos colonizadores portugueses do Brasil em 1823.

A professora Amanda Gurgel participou do Bloco da ANEL-BA e, ao lado da juventude baiana, lançou no Estado a campanha contra o novo Plano Nacional de Educação (PNE) do Governo Dilma e por 10% do PIB já para Educação. Com faixas, palavras de ordem, batucadas, o bloco foi muito bem recebido pela população. Moradores e trabalhadores que assistiam ao cortejo parabenizavam a campanha e declaravam o seu apoio à luta em defesa da Educação, saudando a garra de Amanda Gurgel, que na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte denunciou a atual situação da Educação no Estado e em todo o país.


Amanda ainda esteve presente no Bloco da Oposição à atual direção da APLB (Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Bahia) e no bloco dos professores das Universidades Estaduais Baianas que recentemente estiveram em greve por melhores salários e contra o corte de verbas no Ensino Superior.


O PSTU-BA também esteve presente no cortejo. Com sua militância, levantou a bandeira por uma segunda Independência do Brasil e pelo não pagamento da dívida externa. A luta contra as opressões também foi tema do bloco que animou as ruas da cidade com palavras de ordem. 
 
Fonte: Blog da Amanda

0 comentários:

Postar um comentário